25 de fevereiro de 2024

Guarda Municipal reforça o patrulhamento nas escolas e Cmeis do município

Rondas, visitas às unidades de ensino e travessias de alunos proporcionam maior segurança à comunidade; Prefeitura também instituiu comissão de concurso para a Guarda Municipal

Guarda Municipal reforça o patrulhamento nas escolas e Cmeis do município

A segurança nas escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) de Foz do Iguaçu é uma prioridade da gestão, que determinou o reforço nas rondas e no patrulhamento da Guarda Municipal.

Os agentes de segurança também ampliaram as travessias de alunos nas faixas de pedestres e fazem visitas constantes às unidades escolares.

De acordo com o diretor da Guarda Municipal, Marcelo Yarid, as rondas nas escolas sempre existiram, mas foram reforçadas desde a semana passada para gerar maior tranquilidade aos pais, alunos e professores.

“Determinamos, através da Divisão Operacional, que todas as viaturas passassem nas escolas, fizessem rondas e mantivessem contato com os alunos e professores e nos horários de entradas e saídas dos alunos temos as travessias escolares em pontos mais críticos”, comentou. As equipes operacionais da GM atuam 24hs por dia, e no período escolar estão orientadas a parar nas unidades de ensino, intensificar as rondas e manter contato com a comunidade.

“O que a Guarda Municipal pauta é a segurança da comunidade e das nossas crianças. Hoje nosso efetivo não é suficiente para estar em todas as escolas com equipes fixas, mas o prefeito já determinou a abertura de concurso”, lembrou o diretor.

A comissão especial de estudos que irá planejar a realização do concurso já foi organizada e os nomes dos servidores que irão compor o grupo foram publicados ontem (10) no Diário Oficial do Município.

A proposta é contratar inicialmente 100 agentes de segurança e abrir cadastro reserva para mais 100, a medida em que o processo de reforma da previdência estiver concluído. “Essa é uma pauta antiga e conforme adiantou o prefeito, com a reforma da previdência, abriu-se a perspectiva do concurso”, disse.

Trabalho integrado

Yarid assegurou que a Guarda Municipal atua de forma conjunta com os demais órgãos de segurança, e segue em contato com os núcleos de inteligência do país. “Atuamos em parceria com os núcleos de inteligência das Polícias Militar, Civil e Federal, que monitoram constantemente a situação nas escolas em todo o Brasil. É um trabalho integrado”, afirmou.

Outra medida que irá contribuir com a segurança das unidades de ensino é o sistema de videomonitoramento com 1.800 câmeras de segurança e alarme para as 50 escolas, 44 Cmeis e 6 centros de convivência. O município busca junto ao Ministério da Justiça formas de financiamento do sistema, avaliado em R$ 9 milhões.

 

Foto: Thiago Dutra/PMFI.