21 de fevereiro de 2024

Unidades de Saúde fizeram mais de 3.500 atendimentos no último sábado (17)

Foram realizados exames preventivos, consultas odontológicas e monitoramento de pessoas com diabetes; também foram aplicadas 2.271 doses de vacinas

Unidades de Saúde fizeram mais de 3.500 atendimentos no último sábado (17)

A abertura das unidades básicas de saúde de Foz do Iguaçu, no último sábado (17), possibilitou que milhares de pessoas buscassem os serviços e atualizassem a carteirinha de vacinação.

De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde, foram realizados 3.561 atendimentos nas unidades, incluindo exames preventivos (488), consultas e monitoramento de pessoas com hipertensão e diabetes pelo programa Hiperdia (431); atendimento odontológico para gestantes (68); pesagem de crianças para o programa Bolsa Família (261), atendimento com fisioterapeuta (24) e nutricionista (18). Além disso, foram aplicadas 2.271 doses de vacinas na população, sendo 604 de rotina; 1.167 contra a Influenza (gripe); 97 Covid monovalente e 403 Covid Bivalente.

Para a secretária de saúde, Rose Meri da Rosa, o balanço foi positivo. “Considerando que este é o início de uma campanha e tendo em vista as baixas temperaturas registradas no sábado, conseguimos atingir um bom número de pessoas. Vamos continuar com a busca ativa das mulheres que estão com os exames preventivos em atraso e seguiremos nos próximos meses com as aberturas das unidades aos sábado para facilitar a vida dos moradores”, informou.

O objetivo, de acordo com ela, é facilitar o acesso da população ao serviço, ampliar a cobertura vacinal e incentivar a promoção da saúde e prevenção de doenças.

Preventivo

Cerca de 22 mil mulheres de 25 a 64 anos estão com atraso de dois anos ou mais nos exames preventivos, que detecta o câncer de colo de útero. A recomendação do Ministério da Saúde é que o exame seja feito anualmente.  “Aquelas mulheres com o exame em atraso podem procurar a unidade mais próxima de casa para fazer o agendamento. Este grupo continuará tendo prioridade”, informou a coordenadora da Atenção Básica, Márcia Batista.

Vacina contra a gripe

A Campanha Nacional de Vacinação terminou no dia 31 de maio, mas muitos estados e municípios seguem vacinando a população, como Foz do Iguaçu. As doses estão disponíveis para a população em geral acima dos seis meses. A estratégia foi incorporada ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) em 1999, com o propósito de reduzir internações, complicações e óbitos na população-alvo.