18 de abril de 2024

Geovana Meyer carimba 3ª vaga olímpica do Brasil no tiro esportivo



A brasileira Geovana Meyer assegurou a terceira vaga olímpica do país no tiro esportivo ao faturar a prata no Pan-Americano de Rifle e Pistola, em Buenos Aires (Argentina), qualificatório para os Jogos de Paris. Nesta quarta-feira (3), a catarinense foi a segunda colocada na final da disputa feminina da carabina três posições, ao somar 455.9. Em princípio, apenas a vencedora – a norte-americana Sagen Maddalena (460.5) – teria direito à vaga, mas ela foi automaticamente transferida para Geovana, porque Maddalena já havia garantido presença nos Jogos. O bronze ficou com a canadense Shannon Westlake (443.2).

ALERTA DE VAGA OLÍMPICA! 🚨🇧🇷Geovana Meyer conquista vaga para o Time Brasil na carabina de 3 posições do Tiro Esportivo! 🔫A classificação para Paris 2024 veio após a brasileira ganhar a medalha de prata no Campeonato das Américas, em Buenos Aires 🇦🇷Mandou bem demais, que… pic.twitter.com/HRKeUPC7pL
— Time Brasil (@timebrasil) April 3, 2024

O Pan-Americano de Buenos Aires, que prossegue até domingo (7), é a penúltima competição que garante pontos no ranking olímpico, cujo fechamento será em 9 de junho. A última seletiva para Paris 2024 começa no próximo dia 11 de abril, no Centro Militar de Tiro Esportivo (CMTE), em Deodoro, no Rio de Janeiro.

As outras duas vagas do Brasil na modalidade são na pistola de ar 10m masculina, conquistada por Philipe Chateaubrian- ouro no Pan-Americano da modalidade em Lima (Peru) em 2022 – e também no skeet feminino, assegurada em março por Geórgia Furquim, no Campeonato das Américas, na Santo Domingo (República Dominicana). Com a classificação hoje de Geovana Meyer, o Brasil já totaliza 171 vagas nos Jogos de Paris.