21 de fevereiro de 2024

Feriado de Natal já registra 61% de ocupação na rede hoteleira de Foz

Feriado de Natal já registra 61% de ocupação na rede hoteleira de Foz

De acordo com pesquisa realizada pelo Sindhotéis, na semana de 04/12 a 07/12/2023, a média de ocupação hoteleira para o feriado de Natal, já está em 61%.

Os hotéis de categoria resort são os mais procurados durante o feriado de Natal, com uma média de 70% de ocupação. Em seguida, os hotéis 5 estrelas apresentam uma média de ocupação de 63%, 4 estrelas possuem uma média de ocupação de 61%, 2 estrelas têm uma média de ocupação de 58% e os hotéis 3 estrelas possuem uma média de ocupação de 53%.

Essas informações se referem ao período de ocupação hoteleira que vai dos dias 22/12 a 26/12/2023.

Camilo Rorato, presidente do Sindhotéis destaca que o feriado de Natal é uma data de celebração familiar e muitas famílias optam por passar essa data em hotéis, especialmente resorts, onde podem desfrutar de uma estrutura completa de lazer e serviços, além de não se preocuparem com a organização das ceias e outros detalhes da comemoração.

“Os hotéis têm apostado em programações especiais para as famílias aproveitarem o feriado de Natal da melhor forma possível. São oferecidas atividades como shows de música ao vivo, apresentações teatrais, brincadeiras para as crianças e até mesmo a presença do Papai Noel, que distribui presentes”. Afirmou Rorato.

Todas essas iniciativas têm como objetivo proporcionar aos turistas uma experiência de Natal diferenciada, com o máximo de conforto e diversão. Os hotéis buscam se destacar nessa época do ano, oferecendo aos seus hóspedes momentos especiais e inesquecíveis para celebrar o feriado.

É importante ressaltar que a classificação de estrela mencionada é figurativa e representa uma similaridade com o padrão do Ministério do Turismo. Os hotéis que desejam ter essa classificação precisam se adequar às normas e se credenciar junto ao Ministério do Turismo.

Para ter a classificação “estrela” o hotel tem que se ajustar as normas e se credenciar junto ao Ministério do Turismo.

(Assessoria de Comunicação Sindhotéis/IHGT).