18 de julho de 2024

Endrick vive expectativa de estrear com a amarelinha na Copa América



O jovem prodígio Endrick espera fazer sua primeira aparição pela seleção nacional em um grande torneio quando seu país enfrentar a Costa Rica na estreia brasileira da Copa América na segunda-feira (24).

O atacante de 17 anos, que chegou ao Real Madrid vindo do Palmeiras, sabe que tem um longo caminho a percorrer para entrar no time titular brasileiro em uma equipe que inclui Raphinha, Vinicius Jr. e Rodrygo no ataque.

“Só Deus sabe. Agradeço muito a Deus por ter um primeiro treinador como foi o Abel. Ele sabe o tempo de me colocar. Tudo no tempo de Deus e do professor Dorival… Dorival é espetacular e sei que está fazendo a melhor coisa para o Brasil”, disse Endrick em uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira.

Endrick, que em março se tornou o jogador mais jovem a marcar um gol em uma partida internacional em Wembley, quando deu ao Brasil uma vitória de 1 a 0 sobre a Inglaterra, deixou sua marca em outros jogos de preparação para a Copa América com um gol na vitória de 3 a 2 sobre o México, tendo também marcado contra a Espanha.

O competidor implacável acrescentou que, apesar de sua juventude, não havia pressão sobre ele em campo por causa de sua confiança contra os adversários.

“Sempre fui muito precoce na minha carreira. Desde que subi ao profissional joguei com adversários que falavam no meu ouvido, cutucando, xingando, falando da minha família, da minha namorada”, disse ele. “Estou bem tranquilo para ajudar a seleção como for.”

O Brasil também enfrentará o Paraguai e a Colômbia no Grupo D.

* É proibida a reprodução deste contéudo.