25 de fevereiro de 2024

Duplicação da Rodovia das Cataratas avança

Progresso da duplicação da Rodovia das Cataratas registra salto no início do ano

As obras de duplicação da Rodovia das Cataratas, em Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, tiveram um avanço significativo no último mês. O baixo índice de chuvas na região da fronteira possibilitou os trabalhos do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) na terraplanagem na BR-469, assim como na execução das vigas pré-moldadas do primeiro viaduto no km 2,2.

Progresso da duplicação da Rodovia das Cataratas registra salto no início do ano

Também foi dada continuidade na mobilização do canteiro de obras, que englobam a área do futuro refeitório para colaboradores, vestiário, oficina para máquinas, central de emulsão, laboratório de campo de pesquisa, central de carpintaria, tanque de lavagem dos caminhões betoneiras de concreto, entre outros.

Progresso da duplicação da Rodovia das Cataratas registra salto no início do ano

Em janeiro, o investimento foi de R$ 2,5 milhões. No total, a infraestrutura será de R$ 129,66 milhões. A duplicação de 8,7 km da Rodovia das Cataratas é fruto de uma parceria entre governo estadual, governo federal e a Itaipu Binacional, com a hidrelétrica responsável pelos recursos.

Progresso da duplicação da Rodovia das Cataratas registra salto no início do ano

No mês de fevereiro, já estão sendo executados os serviços de drenagem e terraplanagem das vias marginais e a instalação de passa-fauna para o deslocamento de animais por baixo da rodovia. Continuam diariamente os serviços rotineiros de conservação da faixa de domínio, roçada manual, limpeza de sarjetas e bueiros. A medição mais recente constatou que a obra está com 3,32% de conclusão.

Progresso da duplicação da Rodovia das Cataratas registra salto no início do ano

O prazo para entrega é o primeiro semestre de 2024. A duplicação está em execução entre o trevo de acesso à Argentina e o portal de entrada do Parque Nacional Iguaçu, onde ficam as Cataratas. Serão implantadas vias marginais, de passeio, ciclovia, uma nova ponte sobre o Rio Tamanduá, passa-faunas, iluminação com LED e quatro viadutos: no km 2,2, no km 3,9, no km 7,6 e no acesso ao Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu.

Fotos: DRE