22 de maio de 2024

Apenas 8 casas de bomba estão em funcionamento em Porto Alegre



Das 23 casas de bomba de Porto Alegre, apenas oito estão em funcionamento. Os equipamentos são fundamentais para o escoamento da água das cheias, pois drenam a água e jogam de volta ao rio. Além disso, a previsão é que o rio Guaíba chegue a 5,5 metros em razão das novas chuvas. Em 48 horas, o nível subiu 45 centímetros.

Diante desse alerta, o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, pede que a população não volte ainda para suas casas. Estima-se que se o Guaíba atingir a marca de 5,5 metros, mais de 6 mil pessoas serão afetadas pelas inundações. Até o momento, 157 mil moradores da capital gaúcha já foram afetados na tragédia. 

O governo local prevê que serão necessários R$ 100 milhões para a limpeza da cidade. 

>> Assista na TV Brasil